DERMATITE DE CONTATO

A dermatite de contato é causada por substâncias que entram em contato com a pele causando reações. Na grande maioria dos casos se apresenta como um eczema, localizado na região do corpo que entrou em contato com o agente desencadeante.



O diagnóstico é feito baseado na história clínica , exame físico e teste de contato. A apresentação clínica é variada, pois as lesões podem se apresentar de forma aguda, subaguda ou crônica.


Pode ser classificada em:

  • Dermatite de contato por irritação primária

  • Dermatite de contato alérgica

  • Dermatite de contato fototóxica

  • Dermatite de contato fotoalérgica

Na maioria dos casos estão presentes ardor ou queimação até intensa coceira (prurido). As reações alérgicas podem ocorrer repentinamente ou meses após a exposição a uma substância, o que pode dificultar a descoberta do agente causador da alergia ou irritação. A lesão pode ser vermelha, inchar e apresentar pequenas bolhas; ser quente; ou formar crostas espessas.


As mãos são um local comum da dermatite de contato. Vários agentes podem ser os causadores, como produtos de limpeza, cosméticos (cremes e loções hidratantes). As mãos, aliás, são frequentemente afetadas em atividades profissionais, como cabeleireiros, auxiliares de limpeza e pedreiros.


O tratamento depende da extensão das lesões. Orientamos evitar o contato com o produto que desencadeou os sintomas, hidratar bem o local e utilizar corticoides tópicos ou tacrolimus pomada. Nos casos graves pode ser necessário o uso de corticóide por via oral.


#dermatite #dermatitedecontato #coceira #pele #doençasdepele

868 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo